fbpx
Marketing de Produto: O que é, seus benefícios e como aplicar

Marketing de Produto: O que é, seus benefícios e como aplicar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Bruno Godoi
Bruno Godoi
Profissional de marketing formado, atua há mais de 6 anos com Marketing Digital. Diretor de negócios da Agência Mais Ideias

Marketing de Produto: O que é, seus benefícios e como aplicar

O marketing de produto é um processo muito importante e que tem como objetivo definir o posicionamento da marca perante um produto. 

Sendo considerado como algo essencial, sua principal função é fazer com que o público opte por seus produtos ao invés do seu concorrente.

Embora seu conceito seja relativamente simples, a sua aplicação é um pouco mais complicada. Isso ocorre porque é preciso traçar as estratégias mais adequadas de acordo com o seu negócio para que se possa obter os resultados esperados. 

Sendo assim, neste artigo veremos de maneira mais detalhada sobre o que é o Marketing de Produto, seus benefícios e também como aplicá-lo.

O que é Marketing de Produto? 

Podemos definir o Marketing de Produto como um conjunto de técnicas e processos que visam introduzir um determinado produto no mercado. Todas as estratégias são tomadas levando em consideração todas as etapas necessárias, desde seu lançamento até a sua venda.

O seu principal objetivo é fazer com que o seu produto consiga se conectar mais facilmente a seu público. Isso ocorre através de técnicas que ajudam a definir o posicionamento do mesmo, os canais onde este será divulgado e, ainda, as estratégias comerciais a serem utilizadas.

Por meio da sua aplicação, a empresa passa a agregar valor a seu produto, facilitando a sua aceitação no mercado. Isso ocorre porque dessa forma a marca consegue enfatizar os problemas que podem ser solucionados através do produto em questão. 

Este processo se mostra essencial, pois por mais que a sua empresa ofereça um produto inovador, de qualidade e que apresenta bom custo-benefício, tais características não são suficientes para garantir o seu sucesso. 

Sendo assim, o uso do Marketing de Produto se mostra essencial para que um determinado item seja lançado e promovido no momento certo, passando a mensagem correta e atingindo o público ideal.

Objetivos do Marketing de Produto

Ao analisarmos a fundo o conceito do Marketing de Produto, podemos dizer que o seu intuito é fazer com que as pessoas se conectem ao seu produto.

Para que isso ocorra da maneira esperada, é preciso que antes de qualquer coisa a marca ofereça a melhor solução possível através de seu produto. Com isso, é preciso analisar e compreender a fundo quais são as principais necessidades, motivações e dores apresentadas pelo seu público-alvo.

Para que a sua estratégia seja realmente eficiente, é preciso que ela tenha como meta fazer com que o seu produto se destaque dos demais, uma vez que o mercado tem se tornado cada vez mais competitivo.

Caso todas as técnicas que envolvem esse processo sejam bem aplicadas, a sua empresa irá conseguir ter sucesso nas vendas e ainda irá fortalecer o relacionamento do cliente com a sua marca.

Assim, podemos dizer que os principais objetivos do Marketing de Produto são: 

  • Fazer com que o produto se posicione no mercado e se destaque em meio aos concorrentes;
  • Definir qual a principal mensagem a ser passada pelo produto e de que forma ele irá se comunicar com o público;
  • Fazer com que o produto se ajuste de acordo com as principais necessidades do seu público-alvo;
  • Viabilizar o alinhamento entre as equipes que irão realizar a gestão, marketing e venda do produto;
  • Definir e desenvolver estratégias de precificação, design e distribuição;
  • Ajudar a escolher os canais que serão usados para a venda;
  • Planejar de que forma o produto será lançado e como ele será mantido no mercado;
  • Receber e analisar a avaliação dos consumidores;
  • Monitorar e analisar os resultados referentes à venda do produto.

Juntos, todos esses pontos contribuem para a definição de que o principal objetivo do Marketing de Produto é, sem sombra de dúvidas, fazer com que o seu produto se torne um verdadeiro sucesso no mercado.

Marketing de Produto x Gestão de Produto: qual a diferença?

Embora os dois conceitos estejam diretamente relacionados, ambos possuem definições e funções diferentes. 

Como dissemos anteriormente, o Marketing de Produto está ligado às estratégias necessárias para viabilizar o lançamento dos produtos e, ainda, reforçar quais são os melhores canais para que se faça sua divulgação.

Já quando se trata da gestão de produtos, podemos defini-la como a etapa responsável por desenvolver e escolher quais produtos devem ser lançados no mercado, de forma a integrá-lo no portfólio da empresa. 

Sendo assim, podemos diferenciá-los principalmente pelo fato de que a gestão é a responsável pelo desenvolvimento do produto, enquanto o marketing estabelece as estratégias para que ele seja colocado no mercado.

Os dois conceitos trabalham em conjunto. Tal fato é extremamente importante, uma vez que quando combinados garantem o seu sucesso frente ao público-alvo.

Além disso, esse fato salienta ainda a importância de se trabalhar com uma equipe multidisciplinar. Assim, é possível obter maior qualidade e eficiência no trabalho realizado.

Marketing de Produto x Marketing de Serviços: Qual a diferença?

Embora sejam conceitos que muitas pessoas confundem, podemos dizer que o Marketing de Produto e o Marketing de Serviços são conceitos diferentes.

A primeira grande diferença entre eles é justamente em relação a sua natureza. Quando falamos de produto, estamos falando de algo palpável, já quando nos referimos a serviço, podemos concluir de que se trata de uma solução intangível.

Ambos possuem o mesmo objetivo no que se trata de trazer uma solução para o cliente. No entanto, quando falamos de Marketing de Serviços, é preciso focar ainda mais na relação estabelecida com o consumidor.

Outra característica do serviço, é que ele possui a qualidade de ser ajustável. Assim, é muito mais fácil oferecer algo personalizado para o público-alvo. Já os produtos, por serem padronizados, facilitam a experiência do cliente, antes mesmo da compra. 

Com isso, as estratégias utilizadas sofrem alterações importantes de acordo com a natureza de sua marca e o nicho que ela trabalha.

Ciclo de vida do produto no Marketing

Qualquer produto que é lançado possui um ciclo de vida que é constituído de quatro fases, sendo elas: 

  1. Introdução no mercado: Fase que compreende desde o lançamento do produto até o ponto onde este alcança uma taxa de crescimento permanente.
  2. Crescimento: É iniciada a partir do momento em que a produção se torna por escala. Seu intuito é atender o aumento na demanda.
  3. Maturidade: Esta etapa se inicia no momento em que o produto se estabiliza no mercado e é finalizada de acordo com o nível de saturação. Tende a durar mais tempo que as demais.
  4. Declínio: Se instala quando há uma diminuição nas vendas, além de mudanças no segmento que levam a necessidade de criar novos produtos.

Sendo assim, podemos dizer que esse ciclo relata justamente todas as etapas pela qual um produto passa, desde o seu lançamento ao público, até o momento em que este sai de linha.

É importante ressaltar ainda que a duração de cada uma dessas fases citadas acima irá depender da eficiência de suas estratégias. 

Sendo assim, o Marketing de Produto possui um papel fundamental, uma vez que através dele é possível acelerar a fase de introdução no mercado, fazendo com que ele chegue mais facilmente à fase de crescimento.

Além disso, nesta fase em específico, um dos objetivos desse processo se torna justamente adiar ou evitar ao máximo que este produto chegue a sua fase de declínio, sendo que tudo isso é feito através da renovação contínua do produto.

Como fazer marketing de um produto em 8 etapas

1. Estude o mercado

Antes de lançar qualquer produto, é preciso estudar de maneira aprofundada o mercado no qual ele será inserido.

Para isso, será preciso realizar uma pesquisa de marketing, onde serão analisados diversos documentos. Além disso, é necessário fazer uma coletânea de dados, a fim de descobrir as principais oportunidades e ameaças que o atual cenário oferece.

É crucial estar atento também aos produtos e estratégias tomadas pelos seus principais concorrentes. 

Assim, é importante verificar quais são os principais diferenciais que os produtos oferecem, além de todos pormenores envolvidos, como o cenário político, econômico e cultural para que consiga entender realmente qual será o contexto em que o seu produto será lançado.

Portanto, este é considerado como uma etapa muito importante, uma vez que todos os fatores citados interferem diretamente na aceitação do produto pelo público.

2. Defina o seu público-alvo

O próximo passo consiste em definir quem será o seu público-alvo e estudar todos os detalhes que o envolve.

Para isso é preciso pesquisar sobre o seu perfil, dados referentes a sua idade, gênero, classe social e faixa etária.

Além disso, é preciso estudar também sobre a história em geral, interesses, hobbies, hábitos e principais motivações de seu consumidor. 

Tudo isso é necessário para que seja criado o buyer personas. Este é a representação de um personagem imaginário que irá corresponder ao perfil ideal de cliente para o seu negócio.

Dessa forma, você conseguirá obter informações valiosas e que te ajudarão a montar as estratégias mais assertivas para que o seu produto atenda realmente às necessidades de seu público.

3. Defina o posicionamento e a mensagem que o seu produto irá passar

O posicionamento de um produto corresponde ao lugar que o seu item irá ocupar em relação aos principais concorrentes. Já a mensagem é justamente o que irá estimular o cliente a tomar a decisão de compra.

Para que o seu produto possa ser posicionado corretamente, é necessário definir qual é a utilidade do mesmo, ou seja, qual problema ele irá solucionar e também o que o diferencia dos demais existentes no mercado.

Caso ele seja capaz de se comunicar de maneira eficiente com os consumidores, a sua empresa irá conseguir obter resultados positivos e se tornarão um item de preferência para os seus clientes.

4. Estude a sua concorrência 

Estudar a concorrência antes do lançamento de um produto é algo essencial. Isso porque é justamente nessa etapa que você irá analisar o que é preciso para que o seu item se diferencie dos demais. 

Além disso, é possível estudar quais as principais estratégias utilizadas por eles. Dessa forma a sua marca consegue traçar objetivos diferentes e que superem as expectativas do público.

5. Foque no planejamento

Uma das etapas mais importantes no Marketing de Produto é o planejamento. É através dele que você irá desenvolver toda a campanha de lançamento. 

Nesse processo alguns pontos como o período de divulgação, o conteúdo, canais e mídias onde o produto será divulgado, além de um cronograma de ações deverão ser definidos.

Além disso, será preciso alinhar o seu time de colaboradores para que cada um execute as suas responsabilidades de acordo com as tarefas e prazos estipulados.

6. Faça orçamentos

Quando todo o planejamento estiver pronto, é chegada a hora de se aprofundar na área relacionada às finanças.

Para isso, um valor deve ser reservado levando em consideração as expectativas sobre o lançamento e o impacto que será causado no público-alvo.

A partir disso, esta reserva deverá então ser distribuída de acordo com as prioridades e ações que serão realizadas durante a campanha de lançamento. Assim, fica mais fácil realizar a distribuição corretamente e analisar as métricas para verificar o retorno sobre o investimento.

7. Lançamento

A data do lançamento de um produto é um verdadeiro marco para uma empresa. Sendo assim, é muito importante garantir que as publicações em mídias sociais sejam realizadas de maneira simultânea ou logo na sequência deste evento.

Este passo é muito importante, pois a utilização desses canais ajudarão a dar mais visibilidade ao seu produto, alavancando ainda mais os resultados.

8. Acompanhamento

Após o lançamento do produto, é preciso que todos os processos que o envolvem sejam acompanhados de muito perto.

Entre os diversos pontos que devem ser acompanhados, destacamos aqui os resultados das vendas, alcance e até mesmo as menções nas redes sociais, visto que essa é uma ótima oportunidade para que a empresa alcance popularidade e assim o produto  possa avançar de fase em seu ciclo de vida.

Mas, afinal, qual é a importância do Marketing de Produto?

Podemos concluir que o Marketing de Produto é uma estratégia fundamental que auxilia na desde a criação, até a promoção do seu produto para o público alvo.

Sendo assim, podemos considerar que através dele é possível desenvolver soluções eficientes para o seu cliente a ainda se destaque em meio ao concorrente, trazendo satisfação ao cliente aumentando o sucesso da sua marca.

Inscreva-se em nosso blog

Receba primeiro nossos principais posts diretamente em seu email

Você também pode se interessar:

Fechar Menu