fbpx

BLACK FRIDAY – Dicas e Estratégias para você vender mais!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Giuliane Godoi
Giuliane Godoi

BLACK FRIDAY – Dicas e Estratégias para você vender mais!

A Black Friday, uma das datas mais esperadas do ano por clientes e vendedores, está chegando! Este ano, o evento acontecerá no dia 27 de novembro. Portanto, a hora de se preparar é agora! Saiba o que fazer para não ser pego de surpresa e aproveitar essa data da melhor maneira para vender mais! 

Em 2019, a Black Friday foi um sucesso. O varejo online brasileiro faturou R $3,2 bilhões (quinta e sexta-feira). O número é 23,6% maior ao registrado no mesmo período do evento em 2018, quando as vendas totalizaram R$ 2,6 bilhões, segundo dados da Ebit|Nielsen – referência na mensuração de dados de comércio online no Brasil. 

Já em contrapartida, agora em 2020, estamos enfrentando uma pandemia que acabou trazendo consequências negativas para a economia do mundo todo. 

Você acha que esse ano a Black Friday ainda chegará com tudo? 

O cenário é incerto, porém bastante otimista. De um lado, há pessoas que estão contendo gastos para se prevenir de um futuro incerto da economia do país. E por outro, 2020 foi um ano em que o e-commerce cresceu de forma descontrolada devido ao distanciamento social, fazendo até com quem não tinha confiança em comprar online adquirisse esse hábito. Somando esse fato com o fato de que todo mundo adora comprar com desconto, as chances da Black Friday ser um sucesso são bem grandes!  

E ainda, outro ponto importante a se destacar é que essa data é muito estratégica, pois ela é próxima do 13º salário, férias, natal, liquidações, e muito mais.

Mas não se engane! Pode parecer que é uma época fácil de ganhar dinheiro, mas se não houver um planejamento, essa data pode se tornar um pesadelo e te trazer muitos prejuízos.

Por isso, sabendo que esse período é extremamente estressante para donos de lojas, nós preparamos um conteúdo incrível com dicas e estratégias que você precisa conhecer para ter sucesso nas vendas. 

O QUE FAZER PARA VENDER MAIS NA BLACK FRIDAY?

Adiante-se 

A data da Black Friday vai se aproximando e as pessoas já começam a ficar ansiosas querendo ir às compras. E é por isso que algumas lojas começam a dar descontos antes da data, algo que você pode inserir no seu e-commerce, desde que seja planejado com antecedência e com todo cuidado necessário. 

Se você achar que não é necessário tomar essa atitude tão cedo, o mais  importante é informar ao seu público que você irá participar da Black Friday, e isso precisa ser avisado com antecedência.

Negocie com os seus fornecedores  

Tente fazer negócio com fornecedores que sejam flexíveis, principalmente para momentos como esse da Black Friday. Você precisa extrair ao máximo desses fornecedores bons descontos que sejam vantajosos para a sua loja. É um processo que vai demandar um pouco do seu tempo, por isso precisa ser feito o quanto antes. Nada de ficar enrolando! Os fornecedores não conseguirão dar desconto para todos, então chegue logo e faça uma boa proposta, assim as suas chances de conseguir um bom desconto será muito maior.  

Tenha um bom estoque  

De nada adiantará comprar um estoque 10x maior do que de costume só para conseguir mais descontos, ou fazer uma promoção avassaladora em que só alguns dos seus clientes conseguirem adquirir o seu produto.É preciso manter os pés no chão, se planejar e não sair por aí fazendo loucuras.

E em hipótese alguma venda produtos que você NÃO tenha no estoque! Pode parecer uma estratégia tentadora, porém há muitos problemas por trás dela que irão te enlouquecer.

Mesmo que seu fornecedor seja confiável e entregue rápido, você não pode correr o risco de não conseguir atender o seu cliente. Se você não conseguir fazer a entrega do pedido dentro do prazo, ou pior ainda, não conseguir fazer a entrega, isso será péssimo para a reputação da sua loja. 

Uma dica bem legal é: queimar estoque. Sabe aqueles produtos que estão parados e você não consegue vendê-los? Aproveite essa data para se livrar deles, fazer seu dinheiro retornar ao seu caixa e invista na compra de produtos que realmente vendam em sua loja no dia a dia. 

Saiba dar descontos

Uma das coisas mais importantes são os descontos. Não adianta se deixar levar por aqueles lojistas que colocam os produtos pela metade do preço. O percentual que você dará de desconto precisa estar de acordo com a sua realidade e não a dos outros. 

Você precisa olhar para a sua margem de lucro e entender o quanto precisará vender aquele produto para compensar os descontos que está dando. Por exemplo: do que serve dar 50% de desconto num produto em que sua margem é 30%. ? Nada! Você só vai perder dinheiro e se enrolar.

Além disso, você precisa analisar quais produtos valem a pena incluir na sua estratégia. Por exemplo: Você acha que seria necessário colocar um produto em promoção se ele já se vende por si só com preço normal e para o qual você não tem estoque? Ou seria melhor investir em um estoque encalhado, como já dissemos anteriormente?

Coloque seus produtos com venda regular com no máximo 10% de desconto, ou até mesmo opte por não dar descontos e invista esses descontos em produtos que você precisa “queimar”.

Além disso, você pode oferecer um cupom de desconto válido para toda a loja acima de X valor. O mais importante é ter certeza que esses descontos não vão afetar o seu faturamento de forma negativa.

Prepare seu site

O tráfego nos sites durante a Black Friday é extremamente intenso. Por isso, a sua loja virtual precisa estar preparada para atender as pessoas sem que haja problemas. É preciso estar atento a quantos acessos a sua loja virtual suporta, e caso, não seja suficiente é necessário fazer um upgrade.

  • MOBILE FIRST 

Ainda falando em performance do seu site, sem dúvida alguma a Black Friday de 2019 confirmou a tendência que o consumidor tem de adquirir dispositivos móveis. 

Segundo dados da Ebit Nielsen identificou que 55% dos pedidos foram feitos a partir de celulares, na quinta e sexta do ano passado. Na comparação com 2018 a alta foi de 103%.

Esse ano, a tendência é que a aquisição via mobile seja muito maior. Por isso, se sua loja ainda não tem a versão mobile exclusiva, providencie!

  • CAMPANHA NO SITE 

Outra forma muito eficaz em atrair compradores é fazer uma boa campanha com banners estratégicos dentro do seu site.  

Se colocados em lugares estratégicos com as promoções do seu site, eles chamarão muita atenção. Mas nada de colocá-los apenas na home, pois se algum cliente entrar direto em uma categoria ou produto ele pode nem ficar sabendo que a sua loja está em promoção. 

Sendo assim, invista não só nos banners de home como também nas laterais, tarjas e onde mais achar necessário. E não se esqueça: as campanhas além de criativas precisam ser claras e objetivas. E no caso da Black Friday o que vai chamar a atenção é o preço, por isso dê destaque total nele! 

Canais de Venda

Até aqui estávamos colocando a casa no lugar. Agora é a hora de traçar as estratégias para levar clientes em potencial para dentro da sua loja.Afinal, não adianta estar com a loja devidamente preparada e não haver visitas, certo? 

Nessa época do ano os consumidores são bombardeados por anúncios por todo lado, e se você esperar que os usuários encontrem sua loja apenas de forma orgânica no Google você estará cometendo um erro terrível. É preciso que você vá atrás deles e para isso ser possível a sua plataforma de e-commerce precisa ter interação com os principais canais de vendas, que vamos citar.

  • FACEBOOK

Muitos podem achar que o Facebook está morrendo depois de tantas outras redes sociais terem surgido, mas não se engane, ele ainda é um canal essencial para sua loja estar. Além de ter um público muito abrangente, ele possibilita o gerenciamento de anúncios de outras redes sociais. 

Além disso, ele é ótimo para anunciar com o catálogo de produtos, direcionando o cliente direto para o produto.

E também pode ser usado para as estratégias de remarketing para que o cliente não se esqueça do produto que visitou e de sua oferta incrível. 

  •  INSTAGRAM

O Instagram é a rede social hoje com o maior engajamento da internet, então nada de deixar ele de fora das suas estratégias. 

Além das publicações tradicionais, os anúncios podem ser feitos no feed e também no formato de stories. 

Uma ótima estratégia para essa data é utilizar o Instagram Shopping. Ele permite marcar os seus produtos nas imagens do seu feed, anunciadas ou não. E com apenas um clique, o cliente consegue visualizar o nome do produto e o mais importante – o preço. E se ele se interessar basta clicar e será direcionado para uma página no próprio Instagram com mais informações e produtos relacionados. Sendo assim, se ele quiser seguir adiante e realizar a compra do produto haverá a opção para clicar em “ver no site” e ele será direcionado para o seu site, direto na página do produto escolhido. Fácil demais, não é mesmo?

  • WHATSAPP

Você pode explorar, e muito, o Whatsapp. Com ele fica mais fácil um contato com os seus clientes para tirar suas dúvidas e até mesmo realizar vendas. Mas fique atento, se optar por utilizar o Whatsapp na sua estratégia, tenha certeza que você vai conseguir atender a todos.

Já se for utilizá-lo para anunciar, opte por fazer apenas 1x para anunciar que a sua loja está participando da Black Friday com até X% de desconto e só, já é o suficiente nesse canal senão acabará ficando muito cansativo para o consumidor. 

Ainda, dependendo da plataforma que você utiliza, há a função de recuperação de carrinho abandonado, onde é possível enviar uma mensagem via Whatsapp alertando o cliente do produto que ele deixou no carrinho e que são as últimas unidades naquele preço, por exemplo.  

  •  GOOGLE ADS

O Google Ads e o Google Shopping jamais podem ser esquecidos nessa data.

Isso porque, a maioria dos clientes sempre dão uma passadinha pelo Google antes de realizar uma compra, mesmo que seja só para comparar preços. 

Lembre-se que na Black Friday, o que vai chamar a atenção do cliente é o preço e o frete – grátis, se possível. 

Sendo assim, ter anúncios no Google Ads e no Google Shopping são essenciais para tentar garantir os cliques. O Google Shopping exibe logo de cara a foto e o preço do produto, já o Google Ads pode ter o texto alterado especialmente para essa data, chamando assim mais atenção do usuário. 

  • MARKETPLACES

Se sua estratégia for vender direto nos marketplaces, aproveite o alto investimento deles em anúncios e garanta as suas vendas. 

Já se a sua estratégia não depender exclusivamente dos marketplaces, uma dica é que seu preço seja mais atrativo na sua loja virtual do que dentro do marketplace. Isso porque, como já falamos anteriormente, o cliente acaba fazendo comparações de preços antes de realizar uma compra. Sendo assim, é bem provável que ele chegue a sua loja e veja que no seu site o preço está mais barato e assim, se ele decidir por realizar a compra é bem mais provável que ele realize dentro da sua loja virtual.  

  • EMAIL MARKETING

O E-mail Marketing se for bem aproveitado é uma ótima opção de estratégia para vender na Black Friday.  

Porém, deve ser usado com sabedoria e cautela. Isso porque, essa é uma das datas que mais as pessoas têm suas caixas de emails bombardeadas de promoções e acabam muitas vezes por nem abrirem esses emails.Por isso, seja criativo e cauteloso se optar pelo email marketing.  

Além disso, os e-mails também são excelentes para recuperar carrinhos abandonados.  

Fique de olho na concorrência

É extremamente importante ficar de olho na concorrência e analisar o que os seus concorrentes estão fazendo para saber se a ação que planejou está de acordo com o que está acontecendo no mercado. . 

Inscreva-se na lista de email marketing deles, coloque um alerta no Google, siga as suas redes sociais. Fique de olho! E se necessário, mude sua estratégia.

Prepare o seu atendimento

Para conseguir manter a sua reputação e ganhar clientes satisfeitos nessa época, ter um atendimento ágil e que consiga responder dúvidas e solucionar problemas é essencial. 

Por isso, tenha uma equipe preparada para isso. Se for contratar freelas nesse período treine-os, porque de nada vai adiantar ter bastante pessoas atendendo se elas forem ineficientes. Sem agilidade e eficiência os seus clientes podem desistir da compra e ainda, pode ser um ponto negativo para a reputação da sua loja. 

Pós Black Friday

Mantenha um relacionamento com o cliente pós- venda Black Friday. Seu relacionamento com ele não precisa e nem deve acabar após essa data.

Para fazer isso, você precisará captar e-mails e divulgar suas mídias sociais. Envie e-mails durante o ano com conteúdos que sejam relevantes e sempre avise-os sobre suas promoções, naquele mesmo esquema que já falamos anteriormente, nada de encher a caixa de e-mails dos seus clientes. Já nas mídias sociais você pode e deve  fazer isso com mais frequência.

Para aqueles que acabaram não se inscrevendo na sua lista e nem te seguindo nas redes sociais, vale aplicar o remarketing. 

Agora que eu já te convenci que preparar-se para a Black Friday não é bobagem, então corre! Ainda dá tempo de se preparar e arrasar nas vendas! 

Gostou do nosso conteúdo? Então aproveite as nossas dicas e estratégias e compartilhe também com seu amigo lojista.

Inscreva-se em nosso blog

Receba primeiro nossos principais posts diretamente em seu email

Você também pode se interessar:

Fechar Menu